Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

A US Navy vai instalar guiado laser a velhos mísseis Maverick para lutar contra o Estado Islâmico no Iraque

A  US Navy convertera os seus mísseis de guiado televisado AGM-65A/B Maverick em armas de precisão Maverick ar-superfície guiadas por laser em uma configuração chamada AGM-65E2, programa que destinará 49,5 milhões de dólares. O  contrato foi obtido pela firma Raytheon, e significa converter 500 mísseis até agora armazenados, completando as entregas a finais de 2017.

Assim, a US Navy vai dispor de um arma mais precisa e de mais alcance contra objetivos em movimento com a qual combater ao Estado Islâmico no Iraque, inclusive em zonas urbanas, melhorando o desempenho dos mísseis empregados atualmente pelas aeronaves da Marinha.

Esta Força segue assim os passo da Força Aérea (USAF), que após as experiências no Iraque, já utilizou a série de guiado laser do míssil Maverick denominada AGM-65L. Embora exteriormente  o míssil segue sendo similar ao original, fabricado nos oitenta, interiormente, trata-se de um sistema totalmente novo, segundo disse a Raytheon. É à maneira de que a US Navy possa dispor de um arma de precisão até a chegado do Joint Air-to-Ground Missile (JAGM) em 2016. (J.N.G.)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.