Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Saab investe no desenvolvimento do caça Gripen E

(defensa.com) O fabricante aeronáutico Sueco Saab Aeronautics espera vender entre 300 e 450 caças Gripen nos próximos 20 anos, segundo informou o mesmo no passado dia 19 de Março durante o seminário anual da empresa realizado em Estocolmo.

A empresa trabalha presentemente no demonstrador 39-8 da futura versão do Gripen E que em 2015 deverá efetuar o primeiro voo. Este incorpora o radar Raven ES-05 da Selex ES. Esta versão incorpora o novo motor F414G da GE Aviation, tanques internos de combustível com maior capacidade, maior capacidade de carga útil, capacidade de fusão dos sensores através de uma interface homem/maquina, novos sistemas de comunicações incluindo por satélite, aumento da resistência à deteção por radares, um radar com antena de varredura eletronicamente ativa Selex ES Raven ES-05, um sistema de busca e rastreamento de alvos Selex ES Skyward-G, novos sistemas de aviónicos com que integra uma nova arquitetura, novos computadores e painéis de visualização, um sistema de identificação amigo ou inimigo da Selex ES, um sistema de alerta da aproximação de mísseis da Airbus Defense & Space e a capacidade de efetuar o lançamento de armamento moderado incluindo o míssil ar-ar de longo alcance MBDA Meteor e o sistema lançador de contramedidas BriteCloud da Selex ES.

Ao demonstrador 39-8 do Gripen E que sucede ao 39-7, deverão seguir-se os demonstradores 39-9 e 39-10, e a certificação obtida no durante o início de 2018.

A Força Aérea da Suécia deverá receber 60 exemplares do Gripen E a partir de 2018 que resultarão da modernização de unidades Gripen C atualmente em serviço, e a Suíça um total de 22 unidades mas neste caso específico, a celebração do contrato está dependente do resultado do referendo nacional à compra do caça a ter lugar no próximo dia 18 de Maio.

Presentemente, o Gripen é presentemente operado pelas forças aéreas da Suécia, África do Sul, Hungria, Tailândia e República Checa, e pela escola de formação de pilotos de testes ETPS (Empire Test Pilots School) no Reino Unido.

O caça Sueco foi também escolhido em Dezembro de 2013 pelo Brasil que pretende adquirir 36 unidades da versão Gripen NG. (Victor M.S. Barreira)

Fotografia: A Força Aérea da África do Sul opera caças Gripen C/D (Saab).


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.