Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Lockheed Martin UK completa o desenho preliminar do Warrior WCSP

(defensa.com) O fabricante Britânico Lockheed Martin UK completou o procedimento de desenho preliminar do programa Warrior WCSP (Warrior Capability Sustainment Programme) destinado à modernização de viaturas blindadas de combate de infantaria do Exército Britânico. O processo agora terminado foi conseguido depois de completado o procedimento de arquitetura de desenho do sistema. A fase de demonstração deverá ser concluída em 2016, dando início à produção dos veículos de lagartas. Prevê-se que as primeiras entregas tenham lugar no final de 2018 e as últimas em meados de 2021.

A Defence Equipment & Support (DE&S) do Ministério da Defesa Britânico contratou a modernização de 380 veículos ao consórcio liderado pela Lockheed Martin UK e que incorpora ainda as empresas Ultra Electronics, Defence Support Group (DSG), SCISYS, Rheinmetall Defence, Curtiss-Wright Antriebstechnik GmbH, Thales UK, MOOG, Meggitt Defence Systems, ESW da Jenoptik e a Elbit Systems Kinetics.

Os veículos modernizados recebem entre outros equipamentos, uma nova torre protegida armada com a peça de 40 mm CTAS (Cased Telescoped Armament System) 40 mm da CTA International (uma parceria entre a Nexter Systems e BAE Systems) e uma metralhadora coaxial de 7.62 mm e equipada com um sensor eletro-ótico BGTI+, um sistema de vigilância composto por uma combinação dos sensores Selex ES DNVS 4 e Ultra CCS HUBE, uma arquitetura eletrónica embarcada e proteção blindada modular. (Victor M.S. Barreira)

Fotografia : No futuro, o Exército Britânico contará com 380 blindados Warrior modernizados (Lockheed Martin UK).


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.