Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Integração do míssil FASGW no helicóptero AW159 "Wildcat"

A AgustaWestland recebeu uma extensão do contrato do Ministério da Defesa britânico (MoD) de 90 milhões de libras, sob o qual ela irá integrar ensaiar e instalar as variantes “Leve” e “Pesada” do Future Anti-Surface Guided Weapon (FASGW) nos 28 novos helicópteros Wildcat HMA. 2 para pequenos navios da Royal Navy (RN). O primeiro, proposto pela MBDA, também é conhecido como antinavio leve ANL (Anti Navire Léger), e o segundo como multirole leve LMM (Light Multirole Missile). Ambos permitem uma ampla gama de  alvos de superfície, desde pequenos navios superficiais de alta velocidade, a um grande leque de navios como corvetas e objetivos costeiros e terrestres.

A aeronave pode transportar até quatro lançadores, dois por cada unidade de armamento, cada um com até cinco LMM ou quatro FASGW(H)/ANL , sendo possível as combinações entre eles. O FASGW(Heavy)/ANL incorpora um link de dados de dupla via, que comunica as imagens captadas pelo buscador do míssil ,o qual, além de iniciar o bloqueio do alvo autonomamente , pode conservar ,alternativamente,  o controle do míssil durante todo o vôo.

Estas tarefas se realizam na planta da AgustaWestland em Yeovil. A empresa foi contratada para fornecer 62 helicópteros Wildcat para o Reino Unido, compreendendo: 34 variantes AH.1 para uso pelo Army Air Corps (AAC); e 28 aeronaves HMA.2 para a Royal Navy. Um total de 33 Wildcats foram entregues até o momento, dos quais 21 foram para o Exército, e 12 para a Royal Navy.


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.