Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

O governo boliviano aprova a compra de 14 helicópteros

O Conselho de Ministros aprovou o decreto supremo que permite a compra de 14 helicópteros, os quais se destinarão para as Forças Armadas, dois deles especificamente para apoiar o desenvolvimento do encontro do G-77 + China, que será verificado no mês de junho na Bolívia.

O presidente Evo Morales explicou que foram feitos trâmite perante a  Airbus Helicopters, fabricante dos helicópteros Súper Puma, para viabilizar a compra de 14 aeronaves, das quais seis devem ser destinadas à Força Aérea Boliviana, seis ao Exército, para tarefas de  interdição, controle fronteiriço e ajuda humanitária, e as duas restantes para as equipes de patrulha aérea da Polícia Boliviana, para cobrir especificamente o encontro do G 77 + China, que vai ser realizado na cidade de Santa Cruz.

No momento, estavam se concretizando os detalhes com o fabricante das aeronaves, para que possa chegar à Bolívia uma frota inicial de seis helicópteros nos primeiros dias de maio, e a segunda antes da última quinzena do mesmo mês, de maneira de poder realizar os ajustes necessários para que, a o menos dois helicópteros já comecem a realizar vôos de patrulha aérea sobre a cidade de Santa Cruz.

O gabinete ministerial aprovou a compra deste equipamento, com a finalidade de ser utilizado em tarefas de segurança e ajuda humanitária. (Aldo Eyzaguirre, correspondente do grupo Edefa no Bolívia)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.