Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

EXPAL selecionada para realizar a desmilitarização de 550 toneladas de munições de fósforo branco

O contrato é um projeto do PNUD, órgão da ONU. A munição será destruída na unidade especializada em trabalhos de desmilitarização que a empresa possui na Bulgária e em conformidade com as normas ambientais nesta área. A desmilitarização dessa munição se desenvolve no âmbito do programa CASM ação que gere o arsenal de munições convencionais da República da Sérvia, um programa conjunto do Ministério da Defesa da República da Sérvia, do PNUD e da Organização para a Segurança e Cooperação da Europa (OSCE).
Os Serviços de Desmilitarização da Expal abrangem a eliminação de munições e explosivos obsoletos, fora de uso ou excedentes. A experiência, know how, tecnologias e processos próprios, assim como as capacidades de recuperação e reutilização de materiais de munições e explosivos, que são utilizados para a reinserção em um novo ciclo de vida no campo civil, posicionaram a empresa espanhola como um líder mundial nesta atividade.

Expal também oferece plantas móveis também capazes de desenvolver um processo de destruição completa, sempre e quando for necessário, o que permite limitar ao máximo os custos logísticos  e proporcionar uma solução "in situ".


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.