Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

As Forças Armadas Paraguaias interessadas nos blindados da firma galega UROVESA

No início de agosto concluiu uma visita que de oficiais superiores do Exército e da Marinha da República do Paraguai delegação fez várias empresas galegas e foi organizado pela Câmara de Comércio de Santiago de Compostela. Especial importância foi à parada na fábrica de produção da empresa UROVESA onde os testes de desempenho foram realizados em veículos VAMTAC, os que tinham montadas torres Hitrole da Oto Melara Ibérica.

Durante os testes, os oficiais mostraram-se satisfeitos tanto a respeito do desempenho do veículo, como do sistema de armas nele instalado, manifestando o seu interesse em continuar negociando avaliando a possibilidade de dotar de alguns veículos produzidos pela firma UROVESA tanto ao Exército como a Infantaria de Marinha do Paraguai, no contexto do processo de modernização e otimização das Forças Armadas atualmente em curso.

Os integrantes da Armada Paraguaia visitaram estaleiros da cidade de Vigo, e, no de Cardama puderam navegar e avaliar o Navio de Inspeção "Sebastián de Ocampo" da Xunta de Galicia. Este tipo de navio figura entre as classes propostas para modernizar a força naval Paraguaia.

Além disso, durante a visita, integrantes da comitiva percorreram os estaleiros Cancelas, Rodman e Freire. Nos estaleiros Rodman foram realizados testes de mar num  barco Rodman 55 pertencente à Guarda Civil e Serviço de Vigilância Aduaneira.

A visita foi avaliada pelas partes como uma excelente oportunidade de negócio, já que há um acordo de cooperação entre os dois países que apóia identidade lingüística; isto acrescentando a tecnologia disponível no mercado espanhol em condições altamente competitivas de interesse para o Paraguai. (Tomás Velazquez –correspondente do Grupo Edefa no Paraguai)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.