Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Uruguai considera a aquisição de um sistema RPAS israelense Elbit Systems Skylark I-LE

Dois Generais do Exército da República do Uruguai, viajaram a Israel para discutir e ver in situ a operação do (RPAS) Remotely Piloted Aircraft Systems Skylark I-LE, uma exhibição que teria sido organizada e suportada pelas forças terrestres desse país, as Israel Defence Forces/ Forças de Defesa de Israel (FDI). O país latino-americano está considerando a aquisição de dois destes pequenos sistemas táticos RPAS, com o qual pode-se monitorar as áreas sensíveis do país. O Skylark I-LE é a versão de maior alcance do UAV da empresa Elbit Systems, de grande sucesso, que desde que entrou em serviço em 2004, tendo sido vendido a quase vinte operadores, incluindo as Forças Armadas de: Austrália, Canadá, França, Países Baixos e Polónia.

De mãos dadas com alguns destes países foi desdobrado em conflitos no Afeganistão e no Iraque, bem como em também várias unidades da IDF, tanto de infantaria ou de artilharia, a qual fez uso extensivo do sistema em suas operações em suas fronteiras com problemas, destacando ações como as de localização de lançamentos de foguetes a partir da Faixa de Gaza.

O Skylark I-LE tem um peso máximo de decolagem de 7,5 kg, para que possa ser lançado por um soldado, ou a partir de um veículo em movimento, no qual também pode-se colocar a estação de pilotos e receber as informações fornecidas pelos sensores do aparelho. Este mini RPAS pode ser operado de uma forma altamente autónoma, incluindo uma câmara de estabilização que pode capturar imagens tanto de dia e de noite, bem como um sistema de detecção e monitorização de alvos fixos ou móveis. Seu cartão de pagamento é um conjunto de sensores de tipo eletro-óptico/ IR e um iluminador laser para realizar as missões de monitorização de objetivos acima mencionados. Da mesma forma, disse uma fonte, o Skylark I LE pode voar até uma altitude máxima de 5.000 metros e uma distância de 50 km, durante um limite de tempo de 3 horas. (Julio Maíz Sanz)


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.