Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Snecma e HAL criam uma joint venture para construir componentes de motores aeronáuticos

Durante a exposição aérea Aero India em Bangalore, a empresa francesa Snecma, o grupo Safran e a indiana Hindustan Aeronautics Ltd (HAL), anunciaram a assinatura de um Memorando de Entendimento (MoU) para a criação de uma joint venture na Índia, dedicada à construção de componentes de motores de aeronaves. Esta parceria é o mais recente passo dado pela empresa Safran no país, onde opera a 60 anos colaborando com empresas indianas no setor da aviação.

A joint venture na Índia tem instalações com 30.000 metros quadrados, equipados com as mais modernas ferramentas e equipamentos, onde podem construir os componentes do motor, como o Snecma M88, que equipa o caça Dassault Rafale, escolhido para o programa MMRCA indiano. Esta notícia seria um passo à frente da Snecma na linha política de “Made in Índia”, seguido pelo governo indiano atual, em que a maioria dos programas de defesa estão se movendo para a produção local com o apoio de parceiros de tecnologia estrangeira.

Também seria uma notícia positiva em relação ao programa de aquisição de 126 caças Dassault Rafale, que se encontra encalhado há anos por várias razões. Ter um motor fabricado localmente ou pelo menos componentes para esses motores, pode ser um incentivo para resolver os problemas que atrapalham ambas as partes e que pareciam levar ao cancelamento. (J.N.G.)


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.