Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Polícias TIGRES à espreita em Honduras

Wilmer Suazo, comandante da Tropa de Inteligência e Agrupamentos de Resposta Especial de Segurança (TIGRES) divulgou a finais de 2014 que tinha começado a selecionar 200 elementos adicionais para engrossar esta unidade policial de elite , formados no Intituto Tecnológico Policial (ITP). O treinamento especializado que deve ser seguido , uma vez graduados no ITP é de seis meses, os especializa para operar na selva, em táticas de pequenas unidades, operações aéreas, combate, treinamento de sobrevivência na água, patrulhamento, armas, comunicações, demolições, primeiros socorros, planejamento de operações, liderança e direitos humanos.

O treinamento TIGRES é proporcionado por policiais de elite JUNGLA da Colômbia e por Comandos do 7º Grupo de Forças Especiais dos EUA. Os Comandos TIGRE viram-se abalados pelo escândalo de vários oficiais, os quais embolsaram mais de 1 milhão e trezentos mil dólares que faziam parte do montante confiscado dos traficantes de drogas irmãos Valle Valle. Uns 12.5 milhões foram achados em 19 sacas pertencentes aos narco irmãos Miguel Arnulfo e Luis Alonso Valle em Copan ; destes, 1,3 milhões foram distribuídos principalmente entre oito oficiais e 14 soldados. Para começar as investigações sobre o caso, 73 comandos foram separados temporariamente do serviço, dos quais 50 foram completamente separados da unidade no final de 2014. Isso significa que quase um terço da unidade tem se envolvido em atividades suspeitas. A situação também afeta 25 integrantes da Unidade de Investigações Sensíveis (SIU), os quais também foram suspensos. (JMAH)


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.