Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Noruega recebe primeira viatura de combate de infantaria CV90

(defensa.com) O fabricante Sueco de veículos blindados BAE Systems Hägglunds entregou à organização Norueguesa de aquisição de material militar FLO (Forsvarets Logistikk Organisasjon) o primeiro veículo blindado de lagartas CV90 na configuração de combate de infantaria.Um contrato de aproximadamente 500 milhões de libras esterlinas celebrado entre a FLO e a BAE Systems Hägglunds em 2012 prevê a modernização e modificação dos 103 veículos CV9030N Mk I de combate de infantaria já existentes e a produção de 41 veículos novos, incluindo chassis e torres. Até 2017 serão recebidos 144 viaturas em 5 versões.

Este programa, uma importante componente da estratégia de modernização do exército daquele país nórdico, consiste em integrar melhorias em áreas como a protecção, sobrevivência, reconhecimento, consciência situacional e favorece a interoperabilidade nos futuros cenários do campo de batalha e conflitos. Quando o programa estiver concluído, a frota compreenderá 74 viaturas de combate de infantaria (SPV), 21 viaturas de reconhecimento (OPV), 15 viaturas de posto de comando (STRILED), 16 viaturas de engenharia (STING), 16 viaturas multi-propósito (MultiC) nas configurações de morteiro móvel e apoio logístico, e duas viaturas escola.

Todas as 144 viaturas recebem um sistema digital de informações, sistema de navegação por inércia, sistema de posicionamento por satélite, intercomunicador Thales SOTAS, o sistema de gestão do campo de batalha NorBMS, a estação de armamento remotamente controlada Kongsberg Protech Systems Protector Nordic, o veículo aéreo remotamente operado Prox Dynamics PD-100 Black Hornet, rádios tácticos de última geração, o sistema de encriptação Thales TCE 621/M e lagartas de borracha da Soucy. As viaturas estarão aptas a receber tropas equipadas com o sistema NORMANS (NORwegian Modular Network Soldier) de modernização do soldado. Os elementos principais estão interligados através de um sistema de distribuição de dados.

As 110 viaturas de combate de infantaria, reconhecimento e posto de comando conservam a mesma torre protegida armada com uma peça de 30mm, sendo produzidas 7 torres similares adicionais para completar a quantidade original. As 103 unidades existentes apresentam um chassis Mk III, substituindo o chassis Mk I original. As 110 torres conservam ainda o sistema electro-óptico Saab UTAAS (Universal Tank and Anti-Aircraft Sight) e recebem o sistema de iluminação exterior por tecnologia LED (Light Emitting Diode) WiseLED Xtruder.

A viatura de reconhecimento incorpora ainda o sistema de aquisição de alvos e vigilância Vinghøg Vingtaqs II.A configuração de morteiro móvel recebe um sistema de morteiro de 81mm, o sistema de controlo Vinghøg VingPos e o sistema de apoio de fogo Kongsberg Defence Systems Odin. As viaturas de engenharia incorporam sistemas de neutralização de minas e engenhos explosivos da Pearson Engineering e uma grua telescópica da Hydrauliska Industri (HIAB). (Victor M.S. Barreira)

Fotografía: Diversas companhias Norueguesas participam no programa incluindo a Kongsberg Defence Systems, Nammo, CHSnor, Vinghøg, Thales Norway e Ritek.


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.