Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Exército Brasileiro recebe últimos blindados Gepard 1A2

No dia 30 de Agosto chega ao Brasil o último lote de viaturas blindadas de combate antiaéreo Krauss-Maffei Wegmann (KMW) Gepard 1A2. Depois da chegada ao Rio de Janeiro, será realizado o termo de recebimento do lote constituído por 8 viaturas. As viaturas serão mais tarde encaminhadas para o Centro de Avaliações do Exército (CAEx) na Restinga da Marambaia no Rio de Janeiro onde será conduzido o tiro de verificação. Posteriormente as viaturas terão como destino final a 11ª Bateria de Artilharia Antiaérea (11ª Bia AAAe) em Ponta Grossa, no Estado do Paraná, unidade que já opera 8 sistemas idênticos.

A Escola de Artilharia de Costa e AntiAérea (EsACosAAe), sediada no Rio de Janeiro opera duas viaturas, e 16 viaturas mobilam a 6ª Bateria de Artilharia Antiaérea (6ª Bia AAAe) de Santa Maria no Estado do Rio Grande do Sul.

Este último lote integra um contrato de 34 unidades no passado operadas pelo Exército Alemão e adquiridas em 15 de Maio de 2013 pelo Exército Brasileiro por intermédio do Comando Logístico (COLOG) à Alemã Bundesamt für Ausrüstung, Informationstechnologie und Nutzung der Bundeswehr (BAAINBw) por um valor de 37 milhões de euros no âmbito do Projeto Estratégico do Exército Defesa Anti-Aérea (PEE DAAe) e que incluiu ainda munições, acessórios, peças sobressalentes entre três viaturas recebidas com o segundo e terceiro lote e contentores, simuladores, ferramentas, cursos de capacitação, manutenção, manuais técnicos, garantias e logística integrada entre outros itens.

Antes da entrega ao Exército Brasileiro, as viaturas foram na Alemanha alvo de um processo de revitalização pela KMW que compreendeu ainda a instalação de um sistema de extinção de incêndios, tradução das indicações para Português do Brasil e montagem de um novo sistema de cablagens para permitir a instalação de sistemas de comunicações fornecidos pelo Exército Brasileiro. As 8 primeiras viaturas recebidas ainda em Maio de 2013 não foram alvo de revitalização antes da entrega ao Brasil, isto pela necessidade de serem empregues na protecção das infra-estruturas utilizadas durante a Copa das Confederações de 2013. Decorre desde Julho de 2015 o programa de revitalização das 8 viaturas pela KMW do Brasil Sistemas de Defesa nas suas instalações em Santa Maria.

O Gepard 1A2 consiste no chassis do carro de combate KMW Leopard 1, no qual foi montada uma torre equipada com duas peças de 35mm Oerlikon KDA com sistema de alimentação automáticos e cadência de tiro de 1100 munições por minutos e capazes de empregar munições HEI, SAPHEI, APDS, FAPDS e AHEAD; um radar de busca de banda S com alcance máximo de 15 km; um radar de aquisição de alvos de banda Ku com alcance máximo de 15 km; lançadores de granadas de fumo; dois periscópios; episcópios; sistema de navegação; uma unidade auxiliar de energia; sistemas de comunicações; um sistema de navegação; sistema protecção NBQ; sistema automático de extinção de incêndio; sistema digital de controlo do tiro; sistema de identificação amigo ou inimigo; medidor de distâncias; e computador digital miniaturizado com interface para um sistema de comando, controlo e comunicações (C3). (Victor M.S. Barreira)

Fotografia:

·Viatura blindada de defesa anti-aérea KMW Gepard 1A2 do Exército Brasileiro (Victor M.S. Barreira).


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.