Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

O ARP Thales Watchkeeper realiza o primeiro voo em espaço aéreo civil

O vôo de teste ocorreu em 30 de setembro. O ARP Watchkeeper decolou do Aeroporto de West Wales (País de Gales) e permaneceu em vôo durante uma hora dentro do espaço aéreo controlado, onde NATS, o fornecedor de serviços de navegação aérea no Reino Unido, conseguiu gerencia-lo com sucesso pela primeira vez.  O voo forma parte do projeto CLAIRE, financiado pela iniciativa europeia SESAR e desenvolvido em colaboração entre a Thales, NATS, o Laboratório Aeroespacial Nacional Holandês (NLR), o Ministério da Defesa (MoD) e a Autoridade de Aviação Civil britânica (CAA).

É o primeiro ARP de seu tipo que obteve uma autorização de entrada em serviço (Release to Service/RTS) ou uma autorização equivalente na Europa. Este tipo de autorização e certificado permite que o Watchkeeper possa voar num espaço aéreo não segregado, com características de certificação que podem ser transferidas diretamente para as entidades reguladoras de outros países membros da OTAN e da Agência Europeia para a Segurança da Aviação. Seu uso se estende a muitos campos: atividades comerciais, de busca e salvamento, segurança interna e de proteção de infraestruturas estratégicas e fronteiras.

Para Thales, o voo demonstra que a Watchkeeper X, o sistema tático da Thales baseado no programa britânico, é uma solução adequada para atender aos requisitos do programa francês de drones táticos e os do programa tático Gryf da Polônia.


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.