Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

O Airbus A400M reabastece simultaneamente a dois F-18 da Força Aérea Espanhola

(defensa.com) O avião de transporte Airbus A400M já realizou testes a respeito da sua capacidade de reabastecer em voo a aeronaves de combate F-18, tendo conseguido por primeira vez o fornecimento simultâneo de combustível aos dois caças. Durante estes testes o A 400M fez 74 contatos úmidos (com reabastecimento em voo) e secos (sem combustível) com transferência de 27,2 toneladas de combustível para os caças da Força Aérea Espanhola. Os mesmos foram realizados a altitudes que variam entre 20.000 a 33.000 pés (dos 6.096 a 10.058 metros), em velocidades de 180 a 300 nós (333 a 555km/h), o que segundo a empresa é o envelope de preferência para reabastecimento de caças.

Uma operação típica de reabastecimento compreende permanecer por duas horas em uma área remota 500 milhas náuticas a partir da base, com uma carga de 34 toneladas de combustível.

O A400M foi concebido desde o início, como uma aeronave de reabastecimento sem deixar de ser utilizada para tarefas de transporte sem precisar ser modificado para isto, podendo transportar 50,8 toneladas de combustível, o que pode ser ampliado com o uso de tanques extras no compartimento de carga. O modelo padrão do A400M tem provisão completa para operações REVO, requerendo apenas a rápida instalação do kit opcional de reabastecimento em voo para ser configurado como avião-tanque. Desta forma o fabricante pode oferecer aos potenciais compradores a possibilidade de dispor de uma aeronave polivalente em lugar de adquiri duas unidades específicas, o que significa uma economia.

Recentemente, o diretor da Direction Générale de l'Armement (DGA) francesa, Laurent Collet-Billon informou que os A400M ainda não são capazes de reabastecer helicópteros, um requisito que é registrado no contrato de compra e venda das aeronaves e que deve ser cumprido entre 2017 e 2018. De acordo a Collet-Billon, verificou-se que, por enquanto, nenhum pode reabastecer helicópteros, devido à turbulência gerada pelos motores das aeronaves (lembre-se que de todos os quatro motores, a metade gira em uma direção e a metade na outra para aumentar a estabilidade). (JNG)


© Copy Right Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.