Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Sistema SAMP/T de novo nos Campos Elísios


(defensa.com) A Força Aérea Francesa fará novamente desfilar nas celebrações militares nacionais do 14 de Julho o seu sistema móvel terrestre de defesa anti-aérea SAMP/T (Sol-Air Moyènne Portée Terrestre). Na ocasião, 17 veículos do Esquadrão de Defesa Anti-Aérea 12/950 "Tursan" sedeado na Base Aérea 118 de Mont-de-Marsan integrarão o dispositivo motorizado das Forças Armadas Franceses que tomará parte do desfile militar a realizar em Paris. Mais recente sistema terrestre de defesa anti-aérea ao serviço da Franca, o SAMP/T ou Mamba como é localmente designado, foi desenvolvido pela Eurosam, um consórcio liderado pela MBDA e Thales para oferecer capacidade de defesa anti-aérea a 360º contra mísseis e aeronaves.

Através da OCCAR (Organisation Conjointe de Coopération en matière d'ARmement), foram adquiridos 10 sistemas pela França e 5 pela Itália para o seu exército.
Na Força Aérea Francesa, o SAMP/T foi escolhido para armar cinco Esquadrões de Defesa Terra-Ar ou EDSA (Escadron de Défense Sol-Air) nomeadamente os esquadrões EDSA 04/950 "Servance" na base aérea BA 116 de Luxeuil Saint-Sauveur, EDSA 12/950 "Tursan" na BA 118 de Mont-de-Marsan, EDSA 2/950 "Sancerre" na BA 702 de Avord, EDSA 5/950 "Barrois" na BA 113 de Saint Dizier e o EDSA 1/950 "Crau" na BA 125 de Istres-Le Tubé. O EDSA 1/950 "Crau" será o último a receber o sistema de armas no final de 2013.

Os cinco sistemas Italianos armam o 4º Regimento de Artilharia Anti-Aérea (4° Reggimento Artiglieria Controaerei “Peschiera”), este sedeado em Montova. Na Força Aérea Francesa, cada esquadrão compreende duas secções em que cada uma delas está constituída por 4 unidades de lançamento vertical e cada uma armada com até 8 mísseis terra-ar MBDA Aster 30 Block 1, uma plataforma de seguimento e identificação de alvos com o radar tridimensional multi-função de Banda-X Thales Air Systems ARABEL (Antenne Radar à Balayage Électronique) capaz de seguir mais de 100 alvos em simultâneo a distâncias de até 120 km e com capacidade de identificação amigo ou inimigo e resistente a medidas de contramedidas eletrónicas, um módulo de comando e controlo que consiste num contentor onde no interior estão instaladas duas consolas de operação e coordenação cada umas com dois painéis da Baytek, um veículo de aprovisionamento em energia com gerador da Ausonia e por dois veículos de municionamento.
As comunicações entre o módulo de comando e controlo e as unidades de lançamento são efetuadas por rádios táticos Thales Communications & Security PR4G em modo de frequência muito alta.
O Mamba pode ser integrado através de uma ligação tática por enlace de dados ao sistema de comando e controlo das operações aéreas Francês SCCOA (Système de Commandement et de Conduite des Opérations Aériennes) e ao Centro de Coordenação de Operações de Defesa Anti-Aérea CMD3D (Centre de Management de la Défense dans la 3ème Dimension).
Os sistemas Franceses estão montados em veículos pesados de alta-mobilidade 8x4 Renault Trucks Defense Kerax, e os módulos Italianos em veículos 8x8 com características semelhantes aos Franceses mas do modelo Astra Veicoli Industriali SMR 88.45 BAD.

·Plataforma de lançamento do sistema Mamba pertencente ao Esquadrão 12/950 "Tursan" (Victor M.S. Barreira).
·Unidade de deteção e seguimento com o radar ARABEL (Victor M.S. Barreira).
Victor M.S. Barreira


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.