Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

A "Rosoboronexport" planeja criar "Cidades Seguras" na América Latina

(defensa.com) Parte integrante da Corporação Estatal RosTec, a "Rosoboronexport" está preparando as propostas aos países da América Latina de desenvolvimento de programas integrados de garantia da segurança dos Estados, grandes centros administrativos, cidades, fronteiras nacionais e instalações de particular importância. A componente chave do conceito proposto aos parceiros latino-americanos é um Sistema intelectual multinível denominado "Cidade Segura".

Trata-se do Sistema integrado de monitoramento e controle de forças e meios em tempo real que aumenta substancialmente a eficiência da ação dos serviços operacionais em todas as etapas da sua atividade rotineira, desde a previsão e alerta de situações adversas até a localização e eliminação destas.

A "Rosoboronexport" igualmente propõe diferentes equipamentos especiais, armamento e meios técnicos para as forças de ordem pública e forças especiais, equipamentos de detecção e inspeção, entre outros, inclusive os necessários na realização de eventos de massa. A Rússia possui grande experiência e dispõe de meios técnicos indispensáveis para a construção de "Cidade Segura". Um brilhante exemplo da sua capacidade é a criação do sistema de garantia da segurança para as Olimpíadas de Inverno 2014 em Sóchi. Esta experiência pode ser aproveitada pelo Brasil no quadro de preparação para os Jogos Olímpicos de Verão 2016 no Rio de Janeiro.

A recente vista do Presidente da Rússia Vladimir Putin a uma série de países da Região, bem como as negociações no âmbito da cúpula do BRICS no Brasil demonstraram o interesse dos países em incrementar a Cooperação Técnico-Militar com a Rússia, especialmente nos domínios da cooperação técnico-científica e industrial.

Em particular, a Presidente do Brasil Dilma Rousseff, em entrevista coletiva após a reunião com Vladimir Putin, expressou sua esperança que “os nossos países vão consolidar as relações nos setores de energia, defesa, ciência e técnica, entre outros". Os projetos de envergadura da "Cidade Segura" realizados em cooperação com as companhias nacionais, além de oferecer maior eficiência no combate a ameaças terroristas, criminalidade e imigração ilegal, permitirão dar um novo impulso ao atual desenvolvimento dinâmico da cooperação econômica e técnico-militar entre a Rússia e os países da América Latina.


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.