Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

MBDA entrega os primeiros sistemas SIMBAD-RC em 2015

(defensa.com) A MBDA France deverá realizar em meados do próximo ano a primeira entrega do sistema naval de mísseis remotamente controlado SIMBAD-RC, cujo desenvolvimento teve início do começo de 2012. O sistema foi já contratado para duas marinhas, uma das quais a Marinha Real do Reino da Arábia Saudita que instalará os sistemas contratados nos dois navios de reabastecimento da Classe Boraida (Boraida e Yunbou) que o consórcio ODAS que agrupa o estado Francês e as empresas locais DCNS, Thales e MBDA vai modernizar nos próximos anos. A MBDA prevê iniciar o processo de qualificação do SIMBAD-RC no início de 2015. Uma instalação típica em navios auxiliares compreende 4 sistemas permitindo com isso uma cobertura total do navio garantido a proteção contra possíveis ameaças aéreas. O segundo cliente adquiriu o sistema para navios de patrulha.

O sistema de armas destina-se principalmente a armar navios de patrulha e de apoio logístico atuando como sistema de defesa antiaérea com a missão de assegurar a proteção próxima dos navios contra diversas ameaças aéreas incluindo mísseis superfície-superfície, caças, helicópteros, aeronaves ligeiras, veículos aéreos não tripulados e alvos de superfície. O sistema pode também ser instalado em navios de combate de primeira linha como corvetas e fragatas onde será operado como sistema de defesa antiaérea adicional.

O SIMBAD-RC compreende uma estação giro-estabilizada em 2 eixos, dois mísseis de muito curto alcance MISTRAL 2, um imageador térmico Sagem Matis SP, a placa MLU de apoio dos mísseis, a unidade de fornecimento de energia POW e o sistema SMU-RC de operação remota do sistema de armas. A operação da torre e o lançamento dos mísseis pode também ser efetuado desde o sistema de gestão de combate instalado no navio.

O sistema foi já visto como armamento em diversos desenhos de navios nomeadamente nas embarcações rápidas de ataque ARES 125 FAMB da Turca ARES Shipyard e no navio de patrulha Combattante FS56 da Francesa Constructions Mécaniques de Normandie (CMN). (Victor M.S. Barreira)

Fotografia  1: Protótipo do sistema naval de defesa antiaérea SIMBAD-RC (MBDA).
Fotografia 2: Navio multifunções ARES 125 FAMB armado entre outros com dois sistemas SIMBAD-RC (ARES Shipyard).


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.