Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

A Força Aérea Brasileira incorpora um terceiro 767 de reabastecimento adaptado por IAI

Trata-se de outro modelo 300, somado aos anteriormente contratados, outros dois 767, todos MMTT e convertidos a partir de unidades usadas por IAI (Israel Aerospace Industries divisão Bedek), com a participação de TAP M & E, para cumprir com o chamado programa KC-X2. O objetivo é suplantar rapidamente os 707 / Boeing KC-137, o último exemplar na ativa , supostamente sendo negociado com a Força Aérea Chilena.

Os três são plataformas capazes de oferecer reabastecimento em vôo e realizar o transporte estratégico de carga ou tropas, bem como as tarefas de evacuação médica, não ficando claro, por enquanto,, mesmo que, eventualmente, possam ser usados como aeronaves VIP para longas distâncias.

Vai ficar assim reequipado o Segundo Esquadrão do Segundo Grupo de Transporte (2 º / 2 º GT), mais conhecido como "Esquadrão Corsário". (Javier Bonilla)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.