Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

A Eslováquia abriu licitação de caças para substituir o MiG-29 da Força Aérea. O "Gripen" entre os favoritos

(defensa.com) Como foi dito pelo ministro da Defesa eslovaco Martin Glvac, este país da Europa Central planeja comprar novos caças para substituir os veteranos MiG-29 soviéticos, que atualmente compõem a frota da sua Força Aérea. Isto significa programar um processo de licitação para o qual ainda não foi definida uma data. O ministro explicou que a opção agora mais forte seria lançar um contrato de arrendamento com o futuro vencedor da competição, assim como a República Checa já fez desde 2004, cujo conteúdo final pode chegar a oito aeronaves em um negócio avaliado em cerca de 340 milhões de dólares.

Como resultado, Bratislava está considerando a possibilidade de adquirir o JAS-39 Gripen como opção melhor e mais competitivo, e mesmo isso pode ser possível com um esquadrão combinado com Praga se finalmente opta se pelos caças suecos. O país conta com a aeronave soviética de caça MiG-29 antes da divisão da Checoslováquia, porque na época da dissolução do país, as unidades de combate do país foram divididas entre a República Checa e Eslováquia. Outra opção seria ir diretamente para o F-16 dos Estados Unidos, embora a alternativa de aeronave sueca seja muito mais acessível.


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.