Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

DGA acerta o desenvolvimento e produção do MMP da MBDA

(defensa.com) No dia 3 de Dezembro, a Francesa DGA (Direction Générale de l'Armement) atribui ao fabricante de sistemas de mísseis MBDA France um contrato para o desenvolvimento e produção do sistema de mísseis anti-carro de médio alcance MMP (Missile Moyenne Portée) destinado ao Exército Francês, com a finalidade de substituir progressivamente o sistema MILAN a partir de 2017. O programa prevê a entrega de 2850 mísseis e 400 unidades de lançamento. Um total de 450 mísseis e 175 postos de lançamento serão recebidos no período compreendido entre 2014 e 2019. O míssil será empregue por unidades de combate de primeira linha e forças especiais.

O míssil do tipo "dispara-e-esquece" com capacidade de emprego desde espaços confinados e com tecnologia "sem-linha-de-visão" é composto por um sistema de propulsão da Roxel (uma empresa detida pela MBDA, e Herakles do grupo Safran), uma cabeça de guerra em tandem, uma unidade de medição por inércia e um sistema de busca de duplo modo produzido pela Sagem do grupo Safran. A munição tem um peso de 15 kg, um comprimento de 1300 mm no contentor, um diâmetro de 140 mm e um alcance máximo de 4000 metros.

A unidade portátil de lançamento totalmente digitalizada com um peso de 11 kg e montada num tripé, incorpora um canal diurno, um sensor de infra-vermelhos, um medidor de distâncias, um sistema de posicionamento e um compasso magnético.

O sistema será também disponibilizado para exportação e poderá ser um forte candidato a substituição de mísseis MILAN ao serviço de inúmeros países.

No Exército Francês, o MMP deverá também equipar a torre do futuro veículo blindado de reconhecimento EBRC (Engin Blindé de Reconnaissance et de Combat) a ser adquirido no âmbito do programa de modernização SCORPION (Synergie du contact renforcée par la polyvalence et l'infovalorisation) e destinado a substituir as actuais viaturas blindadas AMX-10 RCR e ERC-90 Sagaie. A MBDA France trabalha no desenvolvimento de uma configuração anti-carro do sistema de armas remotamente operado MPCV (Multi Purpose Combat Vehicle) armado com mísseis MMP. (Victor M.S. Barreira)


Fotografia: O MMP será empregue pelo Armée de Terre a partir de 2017 (MBDA-Isabelle Chapuis).


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.