Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Avibras e MBDA apresentam uma versão do CAMM adaptada às Forças Armadas Brasileiras

(defensa.com) MBDA e a Avibras apresentaram uma solução desenvolvida em conjunto para o programa de defesa aérea de média altitude. A idéia mostrada passa pela adaptação do míssil CAMM (Common Anti-Air Modular Missile), produto de última geração da MBDA, visando ao seu emprego pelas Forças Armadas brasileiras.

O conceito apresentado envolve o desenvolvimento de um míssil nacional, atualmente conhecido como AV-MMA (Míssil Modular Antiaéreo) a partir do CAMM, e o aproveitamento de todas as tecnologias e veículos desenvolvidos para o Sistema ASTROS 2020. Segundo as empresas, o conteúdo nacional seria de 70%.

O CAMM oferece a possibilidade de ser utilizado pelos três ramos das Forças Armadas, reduzindo assim custos de desenvolvimento, manutenção, suporte e logística. No Reino Unido deverá substituir na Royal Navy os mísseis de lançamento vertical Seaworlf VL, e no Brasil é um dos mísseis que está sendo estudada para adoção pelas futuras corvetas da classe “Tamandaré”. Já foi adquirido também pela Royal New Zealand Navy.
(Javier Bonilla)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.