Actualidad
Spanish Chinese (Traditional) English French German Italian Portuguese Russian

Aniversário do Esquadrão de Vigilância Aérea da FAU, o primeiro usuário dos radares Indra “Lamza” 3D nas Américas

No día 3 de setembro realizou-se a cerimônia que marca o quarto aniversário da criação do Esquadrão de Vigilância Aérea da Força Aérea Uruguaia, equipado com  os radares Indra  “Lanza” 3D. É, até agora, a mais nova unidade da Força Aérea do Uruguai e parte integrante da Vigilância e Controle do Espaço Aéreo, sendo responsável pela operação e manutenção dos dois sensores de radar de vigilância 3D existentes na FAU (um fixo, no Nordeste, e um outro móvel), e a transferência de dados para o Centro de Operações Aéreas.Por sua vez, o  Exército , conta com dois radares anti-aéreos Elta ELM 2106, enquanto a Marinha pretende renovar sua rede de vigilância costeira, fazendo contatos com vários fabricantes, entre eles Gem, Elta, Thales,  Signalis e mesmo a Indra . Agora à  lista de possíveis alternativas navais,  também somou-se Kelvin Hughes.

No que diz respeito à Autoridade de Aviação Civil, o seu órgão principal , a Dinacia, conta com radares e sistemas de comunicação Indra cobrindo o território nacional, incorporando uma unidade Alenia  para o Aeroporto Internacional de Carrasco, que serve a zona da capital do país como o seu principal terminal aéreo.
O evento comemorativo contou com a presença do Comandante-em-Chefe da Força Aérea,  General do Ar Washington Martinez, acompanhado pelo Chefe do Estado Maior Geral, Brig. Gen. (Av) Alberto Zanelli e outros militares de alta hierarquia, que foram recebidos pelo Maj. (Nav.) Richard Gonzalez, atual comandante da unidade. (Javier Bonilla)


Copyright © Grupo Edefa S.A. Prohibida la reproducción total o parcial de este artículo sin permiso y autorización previa por parte de la empresa editora.